Home » ARTIGOS » Dicas, Técnicas & Tutoriais » 5 Dicas para o seu Lightroom ter um melhor desempenho

5 Dicas para o seu Lightroom ter um melhor desempenho

Header_BeforeandAfterLightroom

Oi pessoal querido do Lightroom Brasil, tudo bem? Ultimamente após as novas versões do Lightroom vimos que muitas pessoas estão tendo problema com a performance dele, e mesmo com bons computadores isso vem ocorrendo com algumas pessoas. A um tempo atrás era muito comum os computadores não conseguirem rodar aplicações e sempre fui muito preocupado com a performance no meu trabalho. Por muito tempo o Windows trazia muitas funções inúteis no sistema e se você puder fazer isso, além de otimizar o Lightroom é bom tmbém fazer isso com o seu Windows.

A seguir darei algumas dicas básicas do que você pode fazer se não estiver satisfeito com a performance do seu Lightroom.

As dicas irão variar de configurações que você pode ajustar, ferramentas que podem ser executadas no Lightroom, de Configurações do catálogo nas Preferências e muito mais. Como os fotógrafos têm diferentes fluxos de trabalho e necessidades, personalizar o funcionamento do Lightroom pode ajudar a torná-lo mais rápido para seus próprios objetivos. Caso isso seja feito da maneira correta o seu Lightroom estará preparado para gastar a potência da sua máquina somente para coisas mais importantes como o tratamento em si.

Bom mas agora vamos por a mão na massa e começar uma rápida análise das principais dicas de otimização de desempenho que serão apresentadas para vocês:

1. A primeira coisa a se fazer é abrir o painel de Importação.

FOTO 1

Agora em cima do lado direito você irá ativar as pré-visualizações em modo 1: 1:.

Ao fazer isso o processo de importação irá demorar mais do que o normal. Porém ao terminar o processo o seu Lightroom irá trabalhar melhor com os seus previews e o processo de escolher fotos e visualizá-las ficarám muito mais rápido. Pois isso faz com que o Lightroom não precise criar os previews em tempo real toda hora que você mexe no Lightroom. O problema é que isso pode tomar um bom tamanho no seu disco, então não deixe de fazer o próximo passo.

2: Agora que você ativou as visualizações em 1:1 o próximo passo é lembrar de descartá-las quando não estiver mais usando para economizar o espaço em disco. Principalmente se você usar um HD SSD com um tamanho menor. Lembre-se de descartar após ter terminado todas edições com elas. Para fazer isso vá no menu Editar > Configurações de Catálogo > Manipulação de Arquivos. Lá você pode escolher de quanto em quanto tempo o Lightroom deve apagar os seus previews em 1:1. O meu está programado para 30 dias que é o suficiente para mim.

FOTO 2

3: No mesmo painel certifique-se que o item Tamanho de Visualização está de acordo com a aresta mais alta do seu monitor, no meu está certo no caso 1920px. E na parte qualidade de visualição também é outro item que você pode usar para melhorar o desempenho do seu Lightroom. Quanto maior a qualidade, mais lento ele ficará. Aqui também depende de você, aqui deixamos em médio.

4: Agora nas preferências do seu Lightroom na parte de Manipulação de arquivos, aumente a memória cache do seu Camera Raw para um tamanho que vá de acordo com o seu fluxo de trabalho e tamanho de HD, aqui ficou legal com 20gb, mas se você trabalha com muitas fotos de uma só vez pode ser que fique melhor com 40 ou até mais. A Adobe recomenda pelo menos 10GB. Caso queira deletar esses arquivos clique em expurgar cachê. 

FOTO 3

5: Também nas preferências tente ativar ou desativar o uso de seu processador gráfico para ver se isso melhora o desempenho. Agora por último vamos desativar essas funções. Em interface desmarque as opções: Mostrar Fotos no Navegador ao passar o Mouse e Mostrar dicas de ferramentas…

foto 4

Pronto pessoal, o seu Lightroom agora deve responder melhor em seu fluxo de trabalho e mesmo se o seu PC não é uma super máquina não tem porquê ele não rodar o Lightroom corretamente. Caso isso não resolva dê uma conferida no seu Windows ou Mac OS,  desfragmente o seu HD e em último caso vale a pena formatar se ainda estiver travando. Lembrando que o mínimo de RAM para as novas versões do Lightroom é 8GB.

Aqui é o Caio Carvalho do Lightroom Brasil e fico por aqui, espero que tenham gostado das dicas e nos vemos no próximo tutorial, não esqueça de compartilharem se tiver gostado. Bom dia a todos!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>